Out Of The Blue lança o disco “Let’s Talk About Dreams”

Por: Vinícius Aliprandino

13406967_631214460369536_3893297875805336832_n

Com dez faixas e muito Rock and Roll, o Out of The Blue acaba de lançar seu primeiro álbum. Intitulado “Let’s Talk About Dreams”, o disco traz 9 faixas e outra bônus, que já estão disponíveis para streaming e download na internet, através do Spotify, Bandcamp e ITunes.

Recentemente foram divulgados aqui no Papo Alternativo o single “Soldiers of The Rock” e o clipe de “Cali Way Of Life”.

Inspirado por várias vertentes do rock, indo do bluegrass ao britrock, o disco foi gravado durante o ano de 2015 no estúdio Édem Records, em Americana/SP. A produção do álbum foi realizada por André Abreu.


Resenha do álbum

O álbum abre com a faixa “Sin City” que inicia com uma pegada de blues e em seguida salta para a influência do britrock que a banda carrega.

Em seguida a “Soldier Of Rock” vem com uma batida dançante, tornando impossível ficar parado. Pelo menos os pés você vai bater no chão.

“At 27” traz um pouco de calma ao disco. Com uma melodia mais tranquila, a faixa quebra o ritmo mais agitado das duas anteriores, porém sem perder a qualidade ou dar alguma baixa ao álbum.

A quarta faixa, “Nothing But a Song”, mantém o ritmo e até traz uma sonoridade ainda mais tranquila ao “Let’s Talk About Dreams”. A canção se inicia no piano, chegando a lembrar um pouco a pegada dos Beatles e em seguida continua em um refrão ao estilo Oasis.

“I Have Big Shoes To Fill” é a número cinco do disco. A música começa com batidas de bateria, traz peso e marca a volta dos momentos mais agitados do álbum.

Quando chega em “I’m No One” o ritmo vai ficando ainda mais contagiante e mostrando a qualidade que a Out of The Blues tem em fazer um álbum recheado de músicas diferentes, bebendo da mesma influência.

Já estamos na sétima faixa do álbum e esta, “Cali Way Of Life”, já havia ganhado um clipe. Destaque principalmente para as linhas de baixo que dão ginga e ainda mais vida a canção.

O trabalho segue e agora é a vez da agressiva “Auto Pilot” e suas marteladas de guitarras que dão vontade de ficar batendo cabeça. O refrão chega de maneira mais melódica, porém por volta dos 1:30 de música, o ritmo se torna frenético, pronto para que as combinações do instrumental chegue de uma maneira positivamente caótica acompanhando os vocais que vão subindo e trazendo ainda mais emoção a música.

“A Letter To My Fears” é a última canção. Aqui dá pra perceber claramente a influência que o Blues exerce sobre a Out Of The Blue. Mais lenta, a canção vem na posição certa e encerra o disco com chave de ouro. Destaque para os agudos que as vocais alcançam nessa faixa que finaliza com responsabilidade uma produção de alta qualidade e que traz a público mais um ótimo representante da cena atual do rock nacional.

Confira o álbum completo nos links abaixo.

Bandcamp

iTunes

Spotify

 

1 comentário Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s