Energia e resistência marcam álbum e clipe da Acionistas Vienenses

Por: Vinícius Aliprandino

acionistas vienenses silêncio

A cena Hardcore cresce e se renova a cada ano, fazendo com que novas bandas surjam aos montes de modo que o estilo resista e se fortaleça cada vez mais. Com influências daquelas que já estão há décadas na estrada, e trilhando em seu próprio estilo, novas bandas vão surgindo. Essa soma de buscar naquilo que já deu certo e o diferencial da originalidade é uma das razões que levaram a Acionistas Vienenses lançar seu álbum “Silêncio”.

Contando com a participação especial de integrantes de outros grupos da cena – Sandro (Cannon of Hate) e Farofa (Garage Fuzz), o álbum traz mais de 30 minutos com 9 faixas de Hardcore, influenciados por bandas como Garage Fuzz, Noção de Nada, Pennywise, Bad Religion, Dead Fish, Dance of Days,  Street Bulldogs e outros estilos como a Bossa Nova e o Samba.

“Silêncio” foi gravado em São Paulo- SP e produzido por Fernando Lima Ramos. Com exceção da faixa “Velhos Amigos (Acústica)” , que foi mixada e masterizada por Lucas Guerra no Estúdio Guerra; a mixagem e masterização do álbum ficaram por conta de Fernando Uehara e Danilo Souza no TOTH estúdio. Já a arte da capa ficou sob a responsabilidade de Caio Alves e Denys Costa.

Suor e satisfação

Após seis meses dentro do estúdio, a conclusão do trabalho valeu a pena para os paulistanos, que marcaram com o álbum, a nova fase da banda, tendo Lucas no vocal e Madruga na guitarra.

“Com certeza valeu cada suor, ficou como esperávamos. Este disco foi um marco na nossa curta trajetória, pois além de ser nosso primeiro full lenght, marcou a nova fase da banda , com o Lucas no vocal e o Madruga na guitarra. Isso sem falar das participações mais do que especiais no disco: a do Farofa do Garage Fuzz (Cantando em português) e a do Sandro do Cannon of hate, explica Fernando, guitarrista do grupo.

acionistas vienenses

A banda que existe desde 2013 conta atualmente com Lucas (voz), Fernando (guitarra), Diego  (baixo),  Madruga (guitarra) e Raul (bateria). Em 2014, o quarteto já havia lançado um EP, intitulado Alegoria da Caverna. O nome Acionista Vienenses se deve à um grupo radical austríaco de mesmo nome que fazia performances artísticas durante a década de 60. Devido aos ideais e a resistência do grupo contra aquilo que tivesse caráter comercial, o grupo optou por escolher o mesmo nome, até pelo fato do Hardcore e o Punk Rock possuírem ideias de luta e resistência semelhantes. “A ideia deles era produzir uma arte anticomercial, usando o corpo como material para as obras. Esta “Anti-arte”  foi uma resistência aos valores estéticos e morais da época, e que ainda hoje choca as pessoas pelo seu caráter agressivo. Colocamos este nome pois achamos legal a ideia de resistência, o hardcore/punkrock também é contracultura, é resistência”, conta o guitarrista da banda.

Além do álbum, a banda também lançou recentemente o clipe da música “Gritos ao vazio”.

Com muita dedicação, no final das contas o resultado foi e continua sendo positivo para o grupo que tem recebido muitos elogios a respeito do disco e do vídeo, sem falar no reconhecimento de público que a banda tem conquistado. “Tá rolando tudo muito bacana. Muita gente elogiando, postando os dois (clipe e disco), baixando o disco. A página da banda cresceu, tivemos mais visualizações e likes, muitas mensagens, convites para tocar. Tá tudo bem legal”, comenta Fernando.

E para dar sequência nessa vibe cheia de energia, vocês podem conferir e fazer download do álbum “Silêncio” no Bandcamp da Acionistas Vienenses ou ouvir através do link do Youtube logo abaixo.

 

Você pode conhecer melhor o trabalho da banda através da página da Acionistas Vienenses no Facebook.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s