Meu Nome Não é Portugas está “Sob Custódia da Distância”

Por: Vinícius Aliprandino

Foto - Kalaf Lopes
Crédito da foto: Kalaf Lopes

Em meio ao contraste do ritmo sereno, com conflitos, o cantor e compositor Rubens Adati, mostra seu primeiro disco cheio, do projeto Meu Nome Não É Portugas, através do lançamento do álbum “Sob Custódia da Distância”.

São 10 faixas que versam sobre a espera de alguém que não vai voltar e os danos que a distância causa. Nesse turbilhão de sentimentos causados por ela, encontramos a frustração, saudade, melancolia e solidão. As canções vão de ritmos calmos até os mais intensos, refletindo o desespero e a tristeza de alguém que busca algo perdido, porém esbarra na impotência de reconquistar algo que não mais está ao seu alcance.

A distância no caso, não diz respeito apenas àquela causada por uma questão física, mas também um abismo que pode ser aberto entre as ideias. O que leva a uma desarmonia entre uma ligação, que antes tinha sintonia. “O disco me transmite exatamente o próprio nome dele, isso de estar preso na distância, ser incapacitado por estar em lugares diferentes. Não só a distância física, mas a distância de ideias também”, explica Rubens.

O músico pegou a responsabilidade para si e compôs, gravou, mixou e masterizou todo o disco sozinho. O trabalho de produção do disco aconteceu no Inhamestúdio. As faixas que compõem o disco são: “Quanto Mede o Esquecimento“, “20H”, “EPLOV”, “Sete Cantos”, As Memórias Engatilhadas dos Momentos de Extrema Paz, “Abismos“, “Espera“, “Sob Custódia da Distância“,  “Fugir” e “A Viagem“.

Sob Custódia da Distancia - Capa - Rubens Adati
Arte por: Rubens Adati

Sob Custódia da Distância” surge em parceria com o selo Cavaca Records e vem 8 meses após o músico trazer o EP de estréia do projeto. Com seis faixas, em fevereiro deste ano, Meu Nome Não É Portugas dava vida ao “endopassos”. O trabalho antes servia como um escape para libertar algumas mágoas acumuladas.

Além do disco, Meu Nome Não É Portugas também lançou o clipe da canção instrumental “Sob Custódia da Distância”. A fotografia e gravação de vídeo ficaram a cargo de Yasmin Kalaf, enquanto a parte de edição foi realizada pelo próprio Rubens Adati.

Confiram o disco e o clipe de “Sob Custódia da Distância”nos links abaixo e acompanhem a página do Meu Nome Não É Portugas, através da página oficial do músico no Facebook.

 

Bandcamp

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s