O “Vermelho Outono” que dá forças para a jornada de Marcão Baixada

Por: Vinícius Aliprandino

Capa album_final

Com produção própria, o rapper Marcão Baixada lançou, recentemente, o EP “Vermelho Outono”. O disco traz três faixas que contam a experiência de um jovem negro, que busca uma melhoria de vida, em questão de economia.

Durante o álbum, é narrada a forma como o jovem se comporta diante das consequências desta busca.

Nesse caminho, o personagem vê o crime e a violência que ronda a sociedade, mas por outro lado, encontra um caminho para seguir no mundo da música.

O nome do disco tem um significado forte. De acordo com o rapper, durante o outono, as folhas de árvores costumam ganhar uma pigmentação avermelhada. Esses pigmentos vermelhos funcionam como uma proteção contra a radiação solar intensa. Apesar disso, no outono, as folhas caem para que possam florescer novamente após o inverno.

A proposta do EP tem tudo a ver com essa ideia do título. Ganhando forças durante um “outono”, o rapper está pronto para encarar um novo “inverno” e assim, em nova fase, renovar sua arte nas questões das temáticas e na sonoridade, conseguindo expandir sua música para, além do rap, chegar até outros estilos. E tudo isso, claro, sem perder as raízes do rap.

 

Marcão Baixada @ Crédito Caio Rabelo
Crédito da foto: Caio Rabelo

No total, o EP traz as três faixas ao longo demais de dez minutos. “Vermeho Outono” começa com a música “Muita Fé”. Um áudio gravado por Whatsapp, na voz de Jef Rodriguez (O Quadro), faz a introdução agradecendo por poder viver da música e dela retirar seu sustento, e falando sobre a vontade de seguir em frente.

Na sequência, a batida entra e a canção começa falando sobre a jornada que se inicia após um sonho. As lembranças de uma realidade de violência e crime são cantadas. Em contrapartida, Marcão conta com a fé na mudança. Outra aliada nesta batalha, é a persistência e a lucidez para não cair nas armadilhas que a vida prepara.

E agora você sabe o meu nome
Eu tô morando na tua mente, eu entrei pelo fone
Se tu entende o que eu falo, tu entende a minha fome
Porque aqui a pobreza mata mais que esses drone, mata mais que esses drone

A segunda faixa é “Danny Glover”. Com introdução mais calma, a música fala sobre os desejos da vida. Sobre estar em uma realidade, mas desejar sair dela e buscar algo mais além. Ainda antes de acabar a faixa, Marcão manda a real sobre a vida como ela é no trecho:

Eu tô na função, fica ligado, limite é o céu
Cês não acreditam quando eu falo: Baixada é cruel

A terceira e última faixa do EP é “Preto Gordo Style”. A música traz um olhar a respeito da forma como moradores da periferia buscam sair, tentando ser capa de revistas. Na canção, Marcão canta que apesar de todo o visual, o que falta para cada um é a coragem de enfrentar o mundo e enxergar a realidade com outros olhos.

Vermelho Outono” foi gravado no Estúdio MTD pelo próprio Marcão Baixada. Em “Muita Fé”, que tem os synths de Jordan Mosley, e “Danny Glover”, o rapper é quem ficou por conta das programações e percussões. Em “Preto Gordo Style”, essa parte ficou a cargo de Cleones, que também ficou responsável pelos synths.

Confiram o EP no link abaixo e acompanhem o trabalho de Marcão baixada através da página oficial do músico no Facebook.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s