Krias de Kafka e seu rock puro e direto

Por: Letícia Moraes

PosterWeb

A banda Krias de Kafka lançou, com financiamento coletivo, seu segundo álbum independente “Deserto Sem Extraterrestres”. Na ação, a campanha foi realizada pela internet com a pré-venda de 50 kits compostos por CD, camiseta e adesivo.

O disco foi gravado, mixado e masterizado no estúdio Mestre Felino, em Mogi das Cruzes (SP), por Danilo Sevali, contando também com o auxílio de Helena Duarte (ambos são da Hierofante Púrpura).

O processo criativo se deu em 12 faixas, onde grande parte das canções já existia. As noites de ensaios foram regadas à conhaque, com suas letras remodeladas, objetivando levar ao público um material “cru e direto” que mostrasse os anseios dos quatro integrantes.

“Diferente do primeiro álbum, as faixas foram gravadas de forma mais orgânica. Queríamos chegar o mais próximo da banda ao vivo, sem apelar para recursos digitais sem sentido”, explicou Novaes (vocalista e compositor).

A capa do álbum “Deserto Sem Extraterrestres”, um rato morto em um espaço estrelado, foi criada pelo artista plástico Daniel Camatta em conjunto com o Krias. As músicas já estão disponíveis nas principais plataformas digitais. E logo deverá surgir o clipe de “Chuva de Catarro”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s