Clipe com colagens e nostalgia de Marcelo Perdido

Por: Letícia Moraes

thumbnail

Uma crença popular diz que ao deixar um ovo no telhado ou na janela com fé em Santa Clara, é possível impedir o mau tempo. Marcelo Perdido uniu essa crença com suas memórias da infância de histórias da Grécia antiga e fez nascer seu novo single “Santa Clara de Troia”.

Com produção de Habacuque Lima no Trampolim Estúdio, Danilo Andrade no piano elétrico, Marinho na bateria, Gabriela Amorim no trompete e um videoclipe em stopmotion de produção do próprio cantor.

O clipe foi feito de maneira artesanal com papel, o processo demorou quatro meses para ficar pronto. Com uma história de amor como plano de fundo para uma representação do desconhecido como entidade de fé. O papel fez um efeito tridimensional que amassa, molha e rasga, usando uma linguagem que foge à tecnologia atual.

Perdido mora em São Paulo desde 2001, mas o Rio de Janeiro é figura recorrente em sua carreira, ele dá destaque à cidade em seus últimos trabalhos e nesse embalo usou a cidade maravilhosa como cenário em “Santa Clara de Troia”.

O single vem antecipar seu quinto disco, que será lançado ainda esse semestre e irá resgatar sua memória afetiva com o Rio. Todas as músicas passeiam pela cidade onde ele considera estarem as pessoas que ama e suas histórias. Suas canções abordam o comum, o cotidiano.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.