Desejo, conflito e sensibilidade marcam “Overblue”, de Mari Blue

Por: Vinícius Aliprandino

download

Procurar novos caminhos, redefinir prioridades e mudar os planos, para preservar a vida. Essa é a realidade do momento que o mundo vive, diante da pandemia. Essa mudança de plano chegou ao trabalho da cantora e compositora Mari Blue.

O plano era lançar outra canção do mesmo álbum, porém a cantora revisou seu trabalho e buscou uma música que dialogue melhor com o momento atual. Em meio a todas suas músicas, Mari Blue optou por dar vida a “Overblue”, em formato de clipe.

A canção, que é a única em inglês do disco lançado pela artista, foi criada em parceria com o cantor Mario Wamser.

 

Desejo, conflito e sensibilidade

A música, assim como os outros trabalhos da artista busca a sensibilidade e provocação o caminho para fazer a arte. “Overblue”, através de seus beats, sintetizadores, pianos e violoncelos, aborda temas como tempo, desejos e conflitos complexos que a humanidade terá que lidar – e que se encaixa perfeitamente bem no momento.

Essa é a única faixa do álbum em inglês, mas acabou muito bem aplicada ao atual contexto, já que acaba ampliando a possibilidade de entendimento em qualquer lugar do planeta. “Overblue”, no meu dicionário, traduz uma sensação misteriosa que tentei materializar e significar no clipe. A letra fala de tempo, desejos e conflitos complexos que a humanidade terá que lidar. Compus junto com Mário Wamser há uns três anos, apesar de fazer ainda mais sentido agora”, explica Mari Blue.

A canção traz logo no início palavras de luta e resistência. Afirmando que se o caminho não for encontrado em um primeiro momento, não será um obstáculo que irá parar e a busca pela solução continuará.

We gonna fight everyday. We gonna find another way”,

Em português:

Nós iremos lutar todo dia Nós iremos encontrar outra forma”.

 

download

 

Clipe e capa

O vídeo mostra Mari Blue em momentos de sua vida privada, lidando com o dia a dia da pandemia, vestindo máscara de proteção, ou encarando as ruas vazias.

Para gravar o clipe, a cantora levou seus equipamentos essenciais do estúdio de gravação para sua casa e registrou as ruas desertas do bairro de Copacabana, no Rio de Janeiro, onde a cantora mora.

A capa de lançamento do single é uma colagem do quadro “Os Amantes”, de René Magritte.

Ficha técnica

A produção musical, gravação e mixagem ficaram todos por conta a própria Mari Blue. As partes de voz, piano, teclados, baixos synth e beats também ficaram sob a responsabilidade da cantora.

Já os beats e baixo da canção são do músico Mário Wamser, enquanto que o violoncelo e seus arranjos nasceram das mãos de Frederico Puppi. A masterização foi feita por Diogo Guedes.

O vídeo foi filmado por Mário Wamser, enquanto que a direção concepção, roteiro e edição ficaram a cargo da cantora.

Confiram o clipe e a canção “Overblue” nos links abaixo e acompanhem o trabalho de Mari Blue, através da página oficial da cantora no Facebook e do perfil no Instagram.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.