Leopoldo Vaz Eustáquio apresenta o EP de estreia

Por: Vinícius Aliprandino

PicsArt_04-17-05.47.31

Em regras de quarentena, em dias de quarentena, dentro de um apartamento e com muita psicodelia – assim nasceu o EP de estreia o cantor e compositor Leopoldo Vaz Eustáquio.

O trabalho contou com a participação da artista Emily Caroline e apresenta 4 canções: a melancólica “Na Estação de Abrigo”, a agitada pela percussão “Em Fim De Festivais”,  a angelical e emocionante “Dança de Gigantes” e a viajante “Não Há”.

A produção, gravação e mixagem do EP aconteceram no apartamento 302, do edifício Mont Blanc, localizado na cidade de Salvador – BA.

 

96018873_2955302441216258_8242879639387635712_n

 

Ritmos, luz e gravação

Além de toda a psicodelia que se destaca no trabalho a nova MPB, o Indie Folclórico e a música experimental também dão um sabor diferente no EP de Leopoldo.

A ideia do EP se passa no aconchego de um quarto universal, que mostra que o objetivo da busca tanto dos vaga-lumes, quanto do espíritos se faz pela luz.

A voz e violão foram gravados pelo próprio Leopoldo, enquanto eu a segunda voz ficou a cargo de Emily Caroline. Os dois artistas dividiram os arranjos de voz. A parte de arranjos e percussão, baixo e sopros, foram gravados pelo próprio Leopoldo.

Confiram o EP no link abaixo e acompanhem o trabalho de Leopoldo Vaz Eustáquio, através da página oficial do músico no Facebook e do perfil no Instagram.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.