Faixa a faixa – As amarras da vida digital em “Reclusa e Fria”, do Untraps

Por: Vinícius Aliprandino

opção6_baixares

Os tempos atuais, onde os olhos fixos na tela e a busca constante por aceitação e destaque, que tenta driblar os algoritmos das redes sociais e a conexão que mais desconecta do mundo; a cidade grande que com sua correria engole a vida e esmaga os sentimentos e como o capitalismo utiliza disso tudo para colocar o indivíduo numa espécie de lopping eterno, de modo que esse esteja sempre servindo a lógica do mercado e, em muitas situações sendo a própria mercadoria.

Com essa ideia em mente e buscando a verdadeira conexão com o mundo, o duo, de punk rock, Untraps lançou, recentemente, seu mais novo trabalho – o EP “Reclusa e Fria”.

O trabalho da banda conta com duas faixas de um hardcore e punk rock melódico. “Seu Sangue Gera Riqueza” e “Reclusa e Fria”.

As temáticas das canções do EP falam da vida engolida pelo cinza e a cidade; como a conexão do mundo atual pode, na verdade, fazer um papel contrário de sua função e desconectar o ser humano; e a, sempre presente nos gritos e denúncias do punk, luta anticapitalista.

Foto por Jaíne Rodrigues
Foto por Jaíne Rodrigues

As faixas

Reclusa e Fria

Reclusa e Fria” já se mostra caótica logo da introdução. Algorítimos da internet e sentimentos são citados. O primeiro ditando o que pode ser visto pelas redes sociais e o segundo dominado pela ordem do primeiro. A faixa, assim como o EP, se traduz como um grito e hino pela liberdade.

A ideia é a busca por uma vida muito além daquela superficial. O ir além está no sentir, existir e então, de fato, viver.

“Algoritmos não cabemos
Nesse ritmo Acrônimo
Sentimentos dar voz
Pulso e vida musica”

Seu Sangue Gera Riqueza

Onde você está nesse momento é onde realmente queria estar? Quem tem ditado e mexido as peças de um tabuleiro que você pensa jogar? A sua vida é completa, ou sua felicidade se baseia nas migalhas do que é permitido ser? Essa é a reflexão que “Seu Sangue Gera Riqueza” aborda.

É sobre o capitalismo. O sistema utiliza do indivíduo de tal modo que este acredita estar no controle, quando ele, na verdade, apenas faz parte das engrenagens pré-estabelecidas e permitidas.

Os sonhos e as conquistas são moldados e a corrida por alcançar um objetivo nunca acaba, devido à construção de uma sequência de necessidades que são ditadas para sermos felizes.

Melódica, rápida, a bateria dá a velocidade da canção, enquanto que as distorções da guitarra acompanham a voz de Geisxe em um grito que busca romper e expor as amarras do sistema.

“Condicionados a TER
E não a SER
O que não possuo, destruo.
Insanidade LIBERDADE”

Ficha técnica

Reclusa e Fria” teve a produção musical de Thiago Costa Babalu, Josimas Ramos e da própria Untraps. As gravações aconteceram no Estúdio Da Mata e também contou com a mixagem e masterização de Thiago Costa Babalu.

Já a arte de capa nasceu das mãos de Marina Knup. O EP tem sua distribuição realizada através do selo Oxenti Records.

Foto por Snapic Fotografias Victor Balde
Foto por Snapic Fotografias Victor Balde

Sem drogas e sem exploração animal

O duo formado por Geisxe Paula – (guitarrra e voz) e Nelsinho Edge – (bateria e voz) já se conhecia de outros tempos da cena punk. A dupla é da cidade de Peruíbe, litoral sul de São Paulo.

Com afinidade no straight edge e no veganismo, os músicos decidiram se unir para dar vida à Untraps, em 2017.

Straight Edge é um seguimento do movimento punk, onde não se faz uso de nenhum tipo de drogas lícitas ou ilícitas; e o veganismo é a postura de quem não consome nenhum tipo de derivados de animais, seja na alimentação, vestuário, ou qualquer outra situação da vida, que implique no sofrimento e exploração animal.

Confiram o EP “Reclusa e Friano Bandcamp e no link abaixo e acompanhem o trabalho da Untraps, através da página oficial do duo no Facebook e do perfil no Instagram.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.